Pinguins ao mar!!

Todos os anos, milhares de pinguins-de-magalh√£es (Spheniscus magellanicus) migram para costa brasileira entre os meses de maio a setembro. Em sua grande maioria, s√£o jovens que¬† chegam √† procura de alimenta√ß√£o farta ap√≥s abandonarem suas col√īnias reprodutivas na costa patag√īnica argentina.

Geralmente, o ponto mais ao norte atingido por estas aves durante sua migra√ß√£o √© a costa norte do Estado do Rio de Janeiro. Este ano, no entanto, eles acabaram indo um pouco mais longe e foram registrados at√© na costa Sergipana. A culpa desta “perda de rumo” √© do fen√īmeno clim√°tico La Nin√£ que, entre outras coisas, causa um aumento da for√ßa da corrente fria das Malvinas que acaba chegando at√© a costa nordeste do Brasil e arrastando consigo os ping√ľins.

Grande parte dos ping√ľins que passam f√©rias na costa brasileira faz o caminho de volta at√© as col√īnias reprodutivas na Argentina dando continuidade ao ciclo de vida da esp√©cie. No entanto, para muitos deles a migra√ß√£o acaba funcionando como um processo de sele√ß√£o natural e exaustos com a longa viagem acabam indo parar nas praias onde chegam j√° mortos ou muito debilitados.

A convite do bi√≥logo da secretaria de meio ambiente do munic√≠pio de Maca√©, Alexandre Bezerra, auxiliei na reintrodu√ß√£o de seis pinguins na √ļltima ter√ßa-feira. Cada um dos integrantes deste simp√°tico sexteto foi recolhido nas praias de Maca√© nos dois √ļltimos meses e s√£o apenas alguns dos muitos indiv√≠duos que ap√≥s reabilitados acabaram ganhando uma segunda chance de sobreviv√™ncia.

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Pol√≠tica de Privacidade | Termos e Condi√ß√Ķes | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


P√°ginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM