“Cópia é original”, afirma Kawaguchi

A obra Sobre Kazuo Ohno tem direção artística , coreografia e atuação de Takao Kawaguchi (Japão/Tóquio). Um belíssimo presente para o público que ocupou a GARE do CIS Guanabara ontem na noite da Bienal de Dança. O corpo do dançarino explode de vitalidade e expressão, trazendo de volta ao palco o legendário mestre de butô Kazuo Ohno (1906-2010).

A trilha sonora é original das gravações em VHS que foram a fonte da pesquisa coreográfica de Kawaguchi, que nunca assisitu Kazuo no palco ou estudou os fundamentos da dança butô. A estratégia criativa do coreógrafo é copiar literalmente e com o máximo de precisão, a partir do VHS, afirmando no release:

“Quanto mais perto a cópia chega do original, mais notável é a diferença, inevitável, por mais que o intérprete se esforce. O paradoxo, aqui, é que essa diferença destaca as caracterísicas mais marcantes do ‘copiador’. Cópia é original”

A qualidade da obra e a presença solo de Kawaguchi na homenagem a Kazuo seguramente corroboram a afirmativa.

Takao Kawaguchi em Sobre Kazuo Ohno.