Terapias alternativas e Dunga

Não entendo lhufas de futebol, mas arriscarei uma previsão: a seleção brasileira voltará ganhar em breve, quer continue ou não sob o comando de Dunga. Por quê? Por causa de um fenômeno estatístico conhecido como regressão para a média.
O exemplo mais conhecido da regressão talvez seja o do instrutor de vôo que acredita piamente que xingar um piloto que faz uma manobra muito ruim sempre leva a uma melhora de performance, enquanto que elogiar um piloto que faz uma manobra brilhante não tem efeito nenhum.
Por que o instrutor acredita nisso? Experiência: o piloto xingado melhora, o elogiado não volta a repetir o brilhantismo. A verdade, no entanto, é que ambs os pilotos provavelmente têm um nível médio de desempenho, que pode até melhorar ou piorar, dependenmdo da aplicação de cada um. Mas esses ganhos ou perdas são graduais. Manobras muito boas ou muito ruins que ocorrem sem aviso são aberrações, e a tendência é de que, no vôo seguinte, o piloto que teve a aberração negativa pareça melhorar (porque está voltando para sua média normal) e o que teve o lance genial, pareça piorar (pelo mesmo motivo).
No caso de Dunga, tomei a liberdade de montar uma planilha com os números de seus 31 jogos à frente da seleção, e tenho o prazer de informar que o resuldao dos três últimos (duas derrotas e um empate de zero a zero) estão um pouco abaixo de sua média: o resultado que se deve esperar, estatisticamente, do técnico é vitória por um gol de diferença (1,16 de saldo de gols médio; pontuação média, 2,13 — mais que emparte, enfim, mas menos que vitória).
O que isso tudo tem a ver com terapias alternativas? Simples: toda pessoa tem um nível médio de saúde e bem-estar. Exceto em caso de doenças mais graves, deteriorações nesse estado tendem a retornar para média espontaneamente. Assim, tomar floral ou homeopatia é como trocar o técnico da seleção depoisde duas derrotas e um empate: pode até dar a impressão de que a vitória seguinte foi provocada pela mudança, mas…

Discussão - 0 comentários

Participe e envie seu comentário abaixo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM