Orando contra a inflação

Por que ninguém pensou nisso antes? Um grupo evangélico dos EUA jura que o preço da gasolina caiu — por lá — graças a orações que vem realizando em postos de combustível desde… abril. A onipotência, ao que tudo indica, tarda, mas não falha.
Claro, há tentas coisas erradas nessa estrutura de raciócínio — Desejo ardentemente A por vários meses, A, que depende de uma série de variáveis sazonais e/ou aleatórias acontece, logo foi meu desejar ardentemente que provocou A — que não dá nem para começar a enumerar. Mas é preciso notar que a mesma estrutura dirige a vida de muita gente, se é que as vendas de O Segredo representam algo. 
Curioso, de resto, a timidez do pedido do grupo: para quê parar nos preços da gasolina? Por que não pedir por carros movidos a energia solar? Ou teletransporte grátis para todos? Bolas, se o Cara pode, o Cara pode.
O fato, porém, é que uma longa tradição de avaliações científicas da eficácia da oração, de Francis Galton ao recente estudo STEP, sugerem que  ou (a) a prece não ajuda em nada a obter o objetivo pelo qual se reza ou (b) acaba atrapalhando.

Discussão - 0 comentários

Participe e envie seu comentário abaixo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM