Rios da Amaz√īnia na terra – e no ar

IMG_1724.JPGMinha empolga√ß√£o para ir ao Caribe era grande, claro. Por√©m, para chegar l√°, temos que sobrevoar uma regi√£o brasileira que tamb√©m sonho em conhecer – onde morei quando era beb√™, o que n√£o conta -, a Amaz√īnia! Como a viagem n√£o tinha escalas, decidi observar a vasta floresta – e as imensas nuvens – do avi√£o, mesmo.
Estava ansiosa para ver com meus próprios olhos aquele bando de água evaporada da mata que desce para o Sul e Sudeste trazendo, assim, as nossas conhecidas chuvas. Que hora causam transtorno, outras ajudam a fertilizar a terra.
Sem querer, acordei no momento certo – durmo como pedra em qualquer coisa que se movimente. Quando olho pela janela, um bando de nuvens atrapalha a vis√£o da paisagem. “Estamos perto ou sobre ela”, pensei. De repente, entre as nuvens gigantescas e assustadoras e cinzas, observo um tapete verde. “Olha a Amaz√īnia!”, aporrinhei.
O que eu n√£o imaginava era ver, do alto, os rios amaz√īnicos. Um barco, neles, era t√£o, mas t√£o pequeno, que dif√≠cil encontrar. Entendi quando minha m√£e dizia que os rios da Amaz√īnia parecem mar: “N√£o conseguimos ver a margem do outro lado”. S√©rio, o avi√£o estava – sei l√° – acho que voando a cerca de 12 mil metros de altitude – em rela√ß√£o ao n√≠vel mar. Mesmo assim os rios eram imponentes.
Veja nas fotos a seguir – lembre-se que a janela do avi√£o √© min√ļscula:
IMG_1717.JPG
IMG_1720.JPG
IMG_1728.JPG
IMG_1733.JPG
IMG_1735.JPG
Obs.: Alguém sabe identificar que rio é esse?

Entenda por que a areia do Caribe √© “branca”

IMG_1881.JPGContinuando o bate-papo… Los Roques, um arquip√©lago no Caribe venezuelano, √© o resto de um vulc√£o. Se as rochas vulc√Ęnicas s√£o pretas (ou bem escuras) – o que d√° para notar na foto dos morros de Gran Roque do post anterior – por que a areia das praias √© t√£o clara? Meu pai ge√≥logo, mais uma vez, √© solicitado: “Devido ao calc√°rio dos corais”.
Explico. O “esqueleto” dos corais √© feito de calc√°rio – me corrijam se estiver errada. Com milhares e milhares de anos de coral no lugar, sua “decomposi√ß√£o” virou essa areia de cor e textura invej√°veis.
IMG_2441.JPGTanto que, em muitas praias de Los Roques, as areias est√£o cobertas pelo que os moradores de Los Roques chamam de “piedras”. Na realidade, essas “piedras” de v√°rios tamanhos e formatos s√£o restos de corais mortos – observa√ß√£o: amei a cor rosada que aparece foto. A mar√© leva eles at√© onde n√≥s, seres humanos, pisamos e cortamos nosso p√©. Mesmo assim, √© lindo.
Eu ficava admirando as cores, os formatos e os bichinhos como ouriços que restavam nesses pedaços de corais. Mais um desbunde daquela região.

Um vulc√£o no Caribe

IMG_1816.JPGUm mergulhador que mora em Los Roques, parque nacional localizado no Caribe venezuelano, disse que o arquip√©lago √© o “resto” de um antiqu√≠ssimo vulc√£o extinto. Pela forma√ß√£o circular do arquip√©lago, bem que parecia. Por√©m, o que me intrigava, √© que todas as ilhas t√™m o relevo baixo. S√£o quase planas. Apenas Gran Roque possui morrinhos que chamam a aten√ß√£o. A desconfiada aqui perguntou para o pai ge√≥logo.
Ele – H√©lio N√≥bile Diniz – confirmou: l√° havia um vulc√£o h√° muitos milhares de anos (observe as rochas escuras na foto). A maioria das ilhas est√° dentro do que seria a boca dele – onde hoje a profundidade da √°gua n√£o passa dos 20 metros. √Č t√£o raso que, do barco, enquanto nos deslocamos de uma ilha para outra, vemos arraias e estrelas do mar no fundo do oceano.
IMG_2048.JPG
Amanhã, leia mais cenas do próximo capítulo explicando porque a areia é tão clara em Los Roques.

Los Roques, que que é isso?

IMG_2092.JPGA resposta correta para “Que praia √© essa?” √©… Gran Roque! Um lugar paradis√≠aco no Caribe em que estive na minha “luna de miel” – sim, casei. Nunca ouviu falar sobre?
IMG_1788.JPGBom, Gran Roque √© o nome da maior ilha – onde est√£o a maioria das pousadas e a “infraestrutura” – do arquip√©lago Los Roques. Por sua vez, Los Roques est√° no mar do Caribe, h√° cerca de uma hora de teco-teco da cidade de Maiquet√≠a, ao lado de Caracas (Venezuela).
O lugar é ma-ra-vi-lho-so. Do avião, antes de aterrissar, é possível ter uma ideia do arquipélago Рjá que Gran Roque é a maior ilha voando ao norte. Do alto, é possível observar diversas ilhinhas e bancos de areia com e sem vegetação. Também, acredite, dá para ver a sombra do coral no fundo do mar.
IMG_1776.JPG
Coral, vida marinha, mar azul-piscina transparente, ilhas de areias cremezinhas e uma vegetação baixa. Pronto. Isso é Los Roques.
Holandeses x espanhóis
IMG_2055.JPGOs moradores disseram que os primeiros europeus a chegarem em Los Roques foram os holandeses. Tanto que construíram um farol em Gran Roque, lá por 1700 e bolinhas. Dá para subir o morro e admirar a paisagem e a construção. O fato também explica os nomes impronunciáveis Рacentuados pelo sotaque dos venezuelanos Рde algumas ilhas: Franciskí, Madrisquí, Crasquí e por aí vai.
Em 1792, Los Roques foi intitulado Parque Nacional. Hoje, √© a maior √°rea – 2.251 km2 – de prote√ß√£o natural da Venezuela. Para entrar, voc√™ paga uma taxa – como ocorre em Fernando de Noronha. Mas a ilha principal, Gran Roque, √© completamente menor que Noronha. √Č uma vila, sem ruas asfaltadas, onde os ermit√Ķes corajosos – aqueles bichos em conchas – passeiam em frente √†s casas.
Em outro post contarei sobre a infraestrutura Рou não Рdo local como o que fazem com o lixo, como captam água doce, etc. Afinal, é uma área de preservação ambiental.

Resultado: A foto foi tirada em qual país?

IsisDinizIMG_1738.JPGAcertou quem votou na… b) Venezuela. A imagem captei da janela do hotel em que estive na cidade de Maiquet√≠a, na Venezuela. Ela fica pr√≥xima √† Caracas, como se fosse Guarulhos – S√£o Paulo. Em Maiquet√≠a, est√° o aeroporto internacional “de Caracas”.
Quando cheguei de avião à Venezuela, já no processo de pouso, bem que achei algo estranho. Entre as luzes das cidades, havia um breu Рera noite. Pensei: será que são montanhas? Montanhas, claro Рsempre antes de viajar, dou uma estudada no local destino. Durante o dia, me espantei com o tamanho delas.
Antes de desembarcar, estranhava porque Caracas est√° a uma altitude de aproximadamente 900 metros acima do n√≠vel do mar. E, h√° poucos quil√īmetros dessa capital, h√° mar! Quando observei o tamanho das montanhas, que lembravam a Serra do Mar, entendi.
IMG_1753.JPGFiquei encantada com aquela paisagem de tirar o f√īlego. Comentei meu deslumbramento com um morador local que disse ser poss√≠vel ver picos de mais de 2 mil metros de altura na regi√£o. Uau.
Pelo pouco que li, lá eles também sofrem com deslizamentos de terra causados por chuvas. A pensar sobre o hermano.