Não quero ser um deus


Estive ausente por alguns dias. Fui a Fortaleza, questões de trabalho. Durante o vôo, assisti ao filme Tróia. Muito mais prazerosa me foi a leitura da Ilíada, mas certo diálogo do filme me fez não me arrepender de todo pelo tempo gasto. Aquiles (Brad Pitt) conversa com uma prisioneira de Tróia, dizendo que “os deuses castigam os homens porque invejam a sua mortalidade; nada mais doloroso do que estar condenado à eternidade, à vida perene.” Nos Lusíadas (Canto IV, 78), escreveu Camões:
“E com rogo o palavras amorosas,
Que é um mando nos Reis, que a mais obriga,
Me disse: — “As cousas árduas e lustrosas
Se alcançam com trabalho e com fadiga;
Faz as pessoas altas e famosas
A vida que se perde e que periga;
Que, quando ao medo infame não se rende,
Então, se menos dura, mais se estende.”

Pobre dos deuses, que não conhecerão jamais essa vida que menos dura porque mais se estende…

Discussão - 1 comentário

  1. Anonymous disse:

    É dessa forma que vc vê?eu não vejo assim, porém pratico!Helena

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM