Essência e existência

Paul Cézanne, Retrato de Gustave Geffroy, 1895-6.

Husserl, pai da fenomenologia, durante sua carreira acadêmica em Freiburg tivera por aluno e protegido Martin Heidegger. O fenomenologista moravo, nascido judeu, converteu-se ao luteranismo praticante aos 27 anos de idade. No entanto, apesar de sua nova crença, foi expulso da Universidade de Freiburg am Breisgau por seu ingrato e anti-semita pupilo Heidegger, que se tornara reitor quando Husserl já estava aposentado e continuava realizando suas experiências na Universidade, em virtude de sua ascendência judaica. Entre as idéias mais interessantes da fenomenologia está aquela que diz ser a obra de arte uma mediadora entre a consciência do autor e o leitor. Sobre a pintura, Merleau-Ponty, fenomenologista husserliano, escreveu: “Essência e existência, imaginário e real, visível e invisível, a pintura confunde todas as nossas categorias ao desdobrar seu universo onírico de essências carnais, de semelhanças eficazes, de significações mudas”. Isso está em “O olhar e o espírito” (Cosac Naify), que me tomou boa parte deste domingo e me fez refletir sobre o papel da pintura, mais uma vez. Quem sabe, para o próximo post eu escreva algumas novas impressões. Deixo, acima, uma das muitas ilustrações que acompanha o livro.
P.S.: Husserl foi punido por sua essência judia, mas não foi poupado por sua existência luterana.

Discussão - 7 comentários

  1. Carol disse:

    Pelo jeito vou ter que comprar esse livro…

  2. luiz damasceno disse:

    Amigo de Montaigne, esse livro que você leu é muito técnico ou qualquer ‘leigo’ pode entender?

  3. Anonymous disse:

    “A REDUÇÃO FENOMENOLÓGICA NÃO É UMA CONVERSÃO MÍSTICA DO OLHAR, É UM FAZER ATIVO:(…)”A TURMA DO DEBATES, FILOSOFIAFENOMENOLOGIA E ESTRUTURALISMOANDRÉA BONOMI.

  4. Anonymous disse:

    Andrea Bonomi????

  5. amigo de montaigne disse:

    Caros Carolina e Luiz,o livro não é dos mais palatáveis, mas vale o esforço. Não é leitura para se fazer na rede ou de Havaianas…

  6. Anonymous disse:

    ANDRÉA BONOMI FILÓSOFO E ACHO QUE PENSADOR ITALIANO. QUE ESCREVEU SOBRE HUSSERL. A CITAÇÃO QUE FIZ É DO PRÓPRIO HUSSERL, ACHO QUE DIZ O OLHAR DELE SOBRE A PINTURA,+OU-

  7. Carol disse:

    Tentarei mesmo assim!

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM