Do nexo

Escher

Após ler, ainda que “en passant”, algumas teses de doutoramento em neurologia e afins, me peguei pensando nas epígrafes. O que faz os pós-graduandos escolherem esta ou aquela citação na primeira página de um calhamaço muitas vezes destinado ao pó e às traças das bibliotecas universitárias? De passagens biblícas a fragmentos do Alcorão, de Guimarães Rosa a José Saramago, de Sócrates a Habermas, tudo pode ser encontrado. Mas o que mais me espanta é a minha inépcia em tentar, em vão, descobrir um nexo, algo que ligue “não me agrada aconselhar porque, em todos os casos, se trata de uma responsabilidade desnecessária” (Einstein) ao tema da expressão de pequenas proteínas nas células que revestem os vasos sangüineos (endotélio). Como será que se dá a escolha? Será chatice minha esperar que haja coerência entre a epígrafe e o assunto da tese? Quem sabe alguém mais desocupado que eu não se interessa pela questão e escreve uma tese a respeito. Fico curioso em saber qual seria a citação escolhida para ilustrar a primeiro página. Que tal “Um fragmento tem de ser como uma pequena obra de arte, totalmente separado do mundo circundado e perfeito e acabado em si mesmo como um porco-espinho” (Friedrich Schlegel)?

Discussão - 13 comentários

  1. Theo disse:

    Poizé, Caro Amigo, cada vez mais entendo cada vez menos e, como Beckett escreveu, sem ter o que dizer nem como dizê-lo continuo sem parar de dizer…Tant mieux, donc!BOM DIA & AQUELABRAÇO!!

  2. Anonymous disse:

    E a quantidade de teses absurdas? Assuntos irrelevantes que são tomados com um ar de importância que só se vê por aqui! E o pior de tudo é que ninguém enxerga o ridículo!!!

  3. Anonymous disse:

    amigo de m.,tudo bem? concordo com vc e principalmente não consigo imaginar como ´é que a maioria destas “frases” estavam escritas,poisx que geralmente eu não as conheço. e olha que passo a vida a ler, talvez não seja tão interessante no todo como o é na parte em destaque.bjus amigo de M.

  4. Dennis disse:

    Na minha dissertação de mestrado eu só coloquei agradecimentos e optei por não colocar nehuma epígrafe porque eu não via mesmo relação com o meu tema. Acho que alguns estudantes conseguem o nexo entre as duas coisas, embora eu também concorde que não seja a maioria.Abraço e bom sábadão.

  5. Anonymous disse:

    AMIGO DE M. FALE COMIGO,END.;ANÔNIMA HELENA

  6. ped paulo disse:

    Oi Helena!!!Eu não sirvo?

  7. Anonymous disse:

    É CLARO QUE SERVE ,QUERIDO,EU SEMPRE MANDO UM OI PARA VC E VC NADA,TD BEM, .O QUE ANDAS FAZENDO,ESTÁ CALOR AONDE VC ESTÁ?! ONDE EU VIVO VAMOS TODOS DERRETER…ABRAÇOS RACÍOCINIO FICA LENTO E O AS DEMAIS PARTES DO CORPO TBM..

  8. Anonymous disse:

    PEDPAULO ,VOU ABUSAR AGORA,POR FAVOR E COM LICENÇA: ANTES DE PERDER A AUDIÇÃO EU NÃO ERA DE MUITA CONVERSA NÃO, MUITO MENOS COM ESTRANHOS,MAS POR UM MECANISMO DE DEFESA EU PASSEI AO INVÉS DE OUVIR A FALAR (ESCREVER) DEMAIS, E MUITAS ABOBORAS.ASSIM EU ME DIVITO UM POUCO, MORRO DE RIR, EU SOU UM ENCANDÂLO.BJUSSSSSSSSSSSSSSS

  9. Anonymous disse:

    Escândalo, anônima?? HUMMMMMMMMMM!

  10. Anonymous disse:

    UAI?! NÃO SE PODE MAIS SER ESCANDALOSA NESTE MUNDO????!!!!!!!!EU SOU E ,CLARO, NÃO PEÇO AUTORIZAÇÃO!BJUSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

  11. Anonymous disse:

    O problema recrusdece quando a escrita apresentada pelo canditado foi adquirida pela internet ou encomendada em empresas “especializadas em dissertações e teses”! Aquele abraço!

  12. Anonymous disse:

    anônimo, A RAZÃO É TODA SUA, REALMENTE ESTE MERCADO DE TESES ,DISSERTAÇÕES E ETC… VIROU UM MERCADO PERSA.BJUS

  13. Anonymous disse:

    Anônima, pode sim, pode sim… Delícia!

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Categorias

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM