FELIZ DARWIN DAY 2016 BRASIL

Darwin day osasco 2016√Č chegado o seu, o meu, o nosso Dia de Darwin! Hoje, dia 12 de fevereiro, Charles Robert Darwin faria 207 anos, ent√£o no mundo todo est√£o sendo rememorados e comemorados sua obra e seu legado cient√≠fico para a humanidade. Isso porque seu livro mais influente “A Origem das Esp√©cies” foi publicado em 1859, no ano em que ele comemorava 50 anos, ent√£o hoje tamb√©m estamos comemorando os 157 anos desse que foi o livro que mudou a hist√≥ria das ci√™ncias naturais e acabou influenciando tamb√©m exatas e humanas. Aqui no MARCO EVOLUTIVO incentivamos e comemoramos essa data desde em 2008, 2009 (Bicenten√°rio – Ano de Darwin), 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, at√© 2015.

O segredo de como a Revolu√ß√£o Darwiniana nos deu uma nova vis√£o de mundo est√° em identificarmos os pilares do mundo aristot√©lico que ela ajudou a quebrar. Encontramos essa ideia no livro de 2015 “From Aristotle’s Teleology to Darwin’s Genealogy: The Stamp of Inutility” de Marco Solinas, um historiador italiano que vir√° √† FEUSP dar uma disciplina condensada de p√≥s-gradua√ß√£o de 22 a 26 de fevereiro 2016, a convite do
Prof. N√©lio Bizzo. Os pilares do mundo Aristot√©lico,¬†segundo Solinas, s√£o o Fixismo (o mundo e as esp√©cies n√£o mudam), Essencialismo (cada esp√©cie teria Teleology to Darwin's Genealogyqualidades √ļnicas e descont√≠nuas), e a Teleologia aristot√©lica (tudo e todos estavam perfeitamente adaptados funcionalmente para a manuten√ß√£o das rela√ß√Ķes existentes). Eu torno expl√≠cito a adi√ß√£o do Antropocentrismo (os humanos s√£o qualitativamente superiores em import√Ęncia aos outros seres vivos e s√£o o centro das aten√ß√Ķes) como um quarto pilar aristot√©lico, o qual Solinas comenta, mas n√£o chega a elevar a condi√ß√£o de pilar. ¬†Assim temos esse ‘quadr√ļpede’ aristot√©lico que sobreviveu s√©culos chegando ao fim gra√ßas¬†√†s marteladas de Darwin em cada uma das¬†suas bases.

Darwin, que era um naturalista (n√£o confundir com naturista!), rompe com o fixismo ao perceber que, assim como com a geologia, as condi√ß√Ķes e os seres vivos estavam em constante mudan√ßa lenta e gradual; tornou-se um trasformacionista (n√£o confundir com transformista!). Darwin rompe com o essencialismo ao aplicar o pensamento populacional e perceber que a varia√ß√£o individual n√£o √© um mero ru√≠do, mas sim a mat√©ria prima para a sele√ß√£o; assim percebeu que s√£o as popula√ß√Ķes que evoluem e n√£o o indiv√≠duo, ent√£o tornou-se um populacionista (n√£o confundir com populista!). Darwin ent√£o rompe com a teleologia panadaptacionista e perfeccionista de Arist√≥teles ao chamar aten√ß√£o para as muitas imperfei√ß√Ķes e inutilidades dos seres vivos, como os √≥rg√£os vestigiais, justamente o que dever√≠amos observar se um processo demogr√°fico cego e autom√°tico como a sele√ß√£o natural estivesse atuando; tornou-se um selecionista (n√£o confundir com seletista). Darwin day osasco endere√ßoE finalmente Darwin rompe com o antropocentrismo ao perceber que o ser humano n√£o √© o √°pice da evolu√ß√£o,¬† pois esta √© multirramificada e sem metas ou rumo, ent√£o n√£o existem seres superiores nem inferiores; torna se um indiv√≠duo humilde perante a biodiversidade.

Enquanto voc√™ n√£o enfrentar e demolir cada um dos pilares do mundo pr√©-darwinista voc√™ vai ter alguns mal-entendidos sobre evolu√ß√£o biol√≥gica e n√£o vai sentir todo o peso e poder da Revolu√ß√£o Darwinista. Nada melhor do que um bom Darwin Day cheio de atra√ß√Ķes para abra√ßarmos de vez seu legado.

Em Osasco, o N√©lio Bizzo e eu estaremos hoje 12/02 na Escola de Artes “Antonio Savi”/Biblioteca Municipal “Monteiro Lobato” de Osasco a partir das 18h30 assistindo e discutindo um document√°rio, tudo organizado pela Secretaria do Meio Ambiente e Borbolet√°rio Municipal. O Darwin Day em Osasco tem entrada gratuita, o evento ser√° transmitido ao vivo atrav√©s das m√≠dias sociais. Note que o endere√ßo correto √© o Rua Tenente Avelar Pires de Azevedo n¬ļ 360

darwin day brasil mzusp 2016Em S√£o Paulo, teremos Darwin Day no Museu de Zoologia da USP e no Museu Catavento.

No MZUSP, que foi recentemente reaberto ao p√ļblico com uma excelente exposi√ß√£o, a programa√ß√£o vai de hoje 12/02 at√© dia 19/02 com √≥timas palestras, oficinas, jogos e exposi√ß√Ķes. Vale muito a pena conferir.

darwin day no catavento 2016No Catavento – Espa√ßo Cultural da Ci√™ncia em Sampa, no nov√≠ssimo Museu do Amanh√£ no Rio de Janeiro e no Sesi Tiradentes – Centro Cultural Yves Alves em Tiradentes, Minas, a MOSTRA VERCI√äNCIA DIA DE DARWIN vai exibir o epis√≥dio “Darwin no Brasil” uma produ√ß√£o da BBC de 1978 sobre a viagem a bordo do HMS Beagle e vinda de Darwin ao Brasil entre outros v√≠deos.

No Catavento ser√£o sess√Ķes √†s 12h e as 14h hoje 12/02 e amanh√£ 13/02.

No Museu do Amanhã será a tarde inteira de sábado dia 13/02 das 13 às 19h com uma palestra e cinco vídeos. Imperdível para os cariocas.

O Prof Gast√£o Galv√£o dar√° a palestra¬†A import√Ęncia da pesquisa de Darwin e a vinda dele ao Brasil”. Depois vir√£o os document√°rios:

13h20 ‚Äď “A viagem de Charles Darwin ‚Äď Epis√≥dio Darwin no Brasil‚ÄĚ (50min)DArwin day 2016 tiradentes

14h20 ‚Äď Darwin e a √°rvore da vida (60min)

15h30 ‚Äď Macacos geniais (60min)

16h40 ‚Äď Grandes brit√Ęnicos: Darwin (50min)

17h40 ‚Äď O jardim de Darwin (60min)

No Sesi Tiradentes ser√£o duas¬† exibi√ß√Ķes de v√≠deo: Darwin e a √Ārvore da Vida (√†s 18h00) e A Viagem de Charles Darwin (√†s 20h00).

Em Bel√©m do Par√°, o pessoal do Lagen do ICB da Universidade Federal do Par√° organiza o seu 1¬ļ Darwin Day desde ontem. Hoje a partir das 14h ter√£o ainda duas palestras imperd√≠veis: uma sobre a Teoria Evolutiva ministrada pelo Prof J√ļlio Pieczarka, e outra sobre EVODEVO ministrada pelo Prof Igor Schneider.darwin day belen 2016

Outros locais como o IB-USP e a USP Ribeir√£o
provavelmente ter√£o as comemora√ß√Ķes do Darwin Day em alguns meses. √Č lindo demais ver o¬†Darwin Day¬†se difundindo pelo pa√≠s. Convido as outras universidades a organizarem o seu Darwin Day e ampliarem essa tend√™ncia mundial evolucionista. Aproveitem!

Fechamos ent√£o com a grava√ß√£o do III Darwin Day de USP de Ribeir√£o Preto do ano passado que teve 5 horas de dura√ß√£o e palestras e discuss√Ķes muito interessantes e instigantes.

 

Feliz 2016, 7 e 8 anos de MARCO EVOLUTIVO

Feliz 2016¬†a todos leitores e f√£s do¬†MARCO EVOLUTIVO! cupcake_with_birthday_candle_for_eight_year_old_Iniciamos a segunda metade da segunda¬†d√©cada do s√©culo XXI j√° comemorando n√£o um, mas dois anivers√°rios do blog. Isso √© porque, em novembro de 2014 completamos 7 anos¬†de exist√™ncia (n√£o comemorados), e no final de 2015 completamos n√£o¬†UM, nem¬†DOIS,¬†TR√äS,¬†QUATRO,¬†CINCO ou SEIS, mas sim 8 anos¬†de blogagem evolutiva. Haja f√īlego! Agrade√ßo muito todos os coment√°rios, elogios e cr√≠ticas recebidos e tamb√©m aos novos seguidores na p√°gina do Facebook, que j√° est√° com 686 seguidores. Continuem sempre acompanhando e compartilhando links do blog com os amigos.

Em 2014 e 2015, o blog obviamente seguiu a tendência de desaceleração. Isso por conta da carga horária de aulas na Unb, junto com a organização do congresso internacional da ISHE (Sociedade Internacional de Etologia Humana) em 2014 e a mudança de volta a São Paulo em 2015. Foi um período para se dedicar mais à esposa, à casa e aos artigos científicos que escrevemos juntos. Agora estou ministrando aulas de Ciência e Science para alunos do Ensino Fundamental II na Escola Internacional de Alphaville e estou gostando muito, estou muito empolgado com essa oportunidade de ouro para aguçar o pensamento científico dessa juventude.

Com certeza, a experi√™ncia IMGP3380de aulas tanto na universidade quanto no fundamental v√£o influenciar as postagens, assim como as postagens influenciaram algumas das minhas aulas. Outra coisa que me motivou foi rever blogueiros das antigas dos tempos do saudoso Lablogat√≥rio como o grande √Ātila do Rainha Vermelha e do¬†Nerdologia, e ainda conhecer os novos vlogueiros de ci√™ncia cheios de energia para fazer a diferen√ßa e elevar o n√≠vel da divulga√ß√£o cient√≠fica em l√≠ngua portuguesa. Mais sobre eles em breve.

Em 2015 tivemos 14.813 visualiza√ß√Ķes com o √≥bvio pico no Darwin Day e com o esperado decl√≠nio durante os per√≠odos de f√©rias. Desse p√ļblico 86,32% foi de brasileiros e os pa√≠ses acima de 1% foram Portugal, EUA e √ćndia. Em 2014 tivemos 16.035 visualiza√ß√Ķes tamb√©m com um grande pico √≥bvio no Darwin Day, novamente a √ļnica publica√ß√£o do ano todo. O perfil do p√ļblico se manteve, 85,20% de brasileiros seguido de portugueses, estadosunidenses e indianos. A novidade √© que podemos tra√ßar o uso de celulares que visualizaram o MARCO EVOLUTIVO. O sistema operacional mais usado foi Android (64% em 2014 e 73% em 2015), seguido de iOS (26% em 2014 e 19% em 2015), com o Windows Phone j√° passando 4% em 2015.

Fechamos esse começo com um vídeo da Science Magazine sobre os maiores feitos científicos de 2015. Aproveitem.