Enquanto isso, no Bra$il

Notícias de “O Globo” de hoje
Rio, 04 de junho de 2005 Versão impressa
Abrindo a torneira
Valderez Caetano
BRASÍLIA
O resultado do Produto Interno Bruto (PIB, total de riquezas produzidas no país) no primeiro trimestre — que revelou desaceleração da economia e freio nos investimentos — e a crise política detonada pela CPI dos Correios sacudiram o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que articulou estratégia para mostrar à sociedade que o governo não está parado. Ele exigiu dos seus
ministros desengavetamento dos projetos até agora parados por falta de verbas. Só nos últimos dois dias o governo decidiu liberar recursos que já chegam a R$ 17 bilhões para as áreas de agricultura e estradas […]
Rio, 04 de junho de 2005 Versão impressa
Lucro dos bancos cresce quase 50% com tarifas, juros altos e mais crédito
Enio Vieira
BRASÍLIA. Os bancos brasileiros lucraram 49,53% mais no primeiro trimestre de 2005, na comparação com o mesmo período do ano passado. Segundo relatório do Banco Central (BC) sobre o sistema financeiro, os lucros bancários subiram de R$ 5,560 bilhões para R$ 8,314 bilhões. O crescimento foi ainda mais forte entre as 50 maiores instituições financeiras (Banco do Brasil, Caixa Econômica, Bradesco, Itaú, entre elas), que assaram de um lucro total de R$ 4,043 bilhões nos primeiros três meses de 2004 para R$ 6,216 bilhões neste ano. A melhora no resultado veio principalmente do crédito e de tarifas com serviços. […]
Enquanto isso,
Governo descarta dar aumento para grevistas
Valderez Caetano e Demétrio Weber
BRASÍLIA. O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, descartou ontem a possibilidade de dar reajuste aos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em greve desde anteontem por aumento salarial de 18,86%. Paulo Bernardo disse que o governo precisa dar resposta a outras categorias, como a dos militares e dos funcionários do Ministério da Cultura, estes últimos em greve há cerca de dois meses.[…]
Eu espero que esse papo de reajuste para os militares e funcionários do MinC, não seja só desculpa de aleijado…
Mas, pombas: quem já teve o desprazer de entrar em um Posto do INSS sabe que os funcionários têm razão: são poucos, mal pagos e ouvem todas as xingações dos que não são atendidos por causa da própria estrutura do INSS, que é feita para dificultar ao máximo a concessão de “Benefícios” (como se dar aquilo que o Cidadão tem direito, fosse “benefício”…)

Discussão - 0 comentários

Participe e envie seu comentário abaixo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM