Mãos à obra contra a apnéia do sono

Não sei por que até hoje eu não tinha colocado na barra lateral um dos meus sites preferidos. o “Annals of Improbable Research”. Como diz o subtítulo: “feito para você ler, rir… e depois pensar”.
A notícia que eu vou traduzir, me chamou a atenção porque eu sofro de apnéia do sono e, caso a notícia estranha se prove de algum fundamento, vale bem a pena prosseguir nos estudos:
Abordagem tipo “mãos à obra” para os distúrbios de sono nos machos.
16 de julho de 2008

Este relatório foi submetido a nós por um professor do MIT que exigiu anonimidade.


Eu gostaria de relatar uma descoberta feita por minha colega do sexo feminino (aqui identificada como “F”) que trabalha comigo (”M”). Eu sou homem.
M ronca. Suas enormes e espasmódicas ondas sonoras até mesmo pessoas em outros dormitórios. O ronco é um efeito colateral da apnéia do sono, uma disfunção caracterizada por pausas na respiração de quem dorme.
M parava de respirar por intervalos de tempo tão grandes que F ficava disposta a chamar uma ambulância. Entre os roncos e o medo de acordar ao lado de um cadáver, F dormia muito pouco.
Ela tentou chacoalhar M, o que servia apenas para acordá-lo e irritá-lo. Ela tentou fazer cócegas em suas costelas e sovacos, mas de nada adiantou. Os roncos e a apnéia continuavam e o sono permanecia impossível.
Então, em um momento de inspiração, ela recorreu ao “nexus” de M. Ela fez cócegas em seus testículos. Sucesso! Seguiu-se um suave e abençoado silêncio. O ronco cessou, ou a apnéia do sono desapareceu, vez após outra e sem falhas. F descobriu um tratamento confiável, do tipo “mãos à obra” para o tratamento dos distúrbios do sono dos machos.

******************************


E pensar que existem tantas senhoras que reclamam tanto dos roncos de seus maridos, como do salutar e agradável hábito de coçar o saco…

Discussão - 2 comentários

  1. Maria Guimarães disse:

    estou curiosa pra saber se sua mulher tem espírito científico que chegue para reproduzir o experimento…

  2. João Carlos disse:

    Infelizmente ela não tem o espírito de abnegação necessário… Very unscientific, methinks!… 😛

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM