Todos os cientistas estão errados


“Quando pensar o faz mudar de idéia, é filosofia.
Quando Deus o faz mudar de idéia, é fé.
Quando os fatos o fazem mudar de idéia, isso é ciência”.

A pergunta anual da Fundação Edge deste ano aos seus ilustres colaboradores, é: “Como descobertas ou argumentos científicos o fizeram mudar de idéia?“. As respostas são imperdíveis, embora estejam todas em inglês. Algumas delas incluem:
Richard Dawkins conta como passou a aceitar uma teoria que inicialmente descartou na primeira edição de seu primeiro livro, O Gene Egoísta, convencido por um novo modelo matemático. Susan Blackmore descreve sua crença em fenômenos paranormais, área de pesquisa com a qual conseguiu seu PhD, e como depois de muito esforço:

“Eu me lembro do exato momento em que algo clicou (ou talvez eu deva dizer ‘eu acho que me lembro…’, caso esta seja uma falsa memória). Estava deitada na banheira tentando encaixar meus últimos resultados negativos na teoria paranormal, quando me ocorreu pela primeira vez que eu poderia ter estado completamente enganada, e meus tutores certos. Talvez não existisse nenhum fenômeno paranormal“.

Talvez mais interessante àqueles não tão comprometidos com o ativismo cético seja a mudança de opinião de Steven Pinker, que cita suas próprias palavras há dez anos atrás:

Ainda estamos evoluindo? Biologicamente, provavelmente não muito. … Se a espécie está evoluindo de fato, está acontecendo muito lentamente e de forma impredizível para que saibamos a direção”.

Mas como noticiado recentemente, novos estudos genéticos “têm sugerido que milhares de genes, talvez tanto quanto dez por cento do genoma humano, estiveram sob forte seleção recente, e a seleção pode ter mesmo se acelerado durantes os últimos milhares de anos“. Como Pinker escreve, “tive que questionar minha suposição geral de que a evolução humana havia basicamente parado na era da revolução da agricultura“.
Sagan e Dawkins já comentavam sobre como a ciência é uma das únicas áreas do conhecimento humano em que você vê pessoas freqüentemente mudando de idéia, e a única em que tal é feito de maneira sistemática baseada em fatos. Todos os cientistas estão errados, assim como todos os religiosos, filósofos e poetas. A beleza da ciência é que todos os cientistas estão cada vez menos errados.

Discussão - 0 comentários

Participe e envie seu comentário abaixo.

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM