ETs não usam rádio

Já há mais de quatro décadas temos utilizado nosso desengonçado domínio da tecnologia eletromagnética para vasculhar o Universo em busca de sinais alienígenas. A comunicação por rádio é eficiente e barata, nós sabemos, porque nós a utilizamos. Inadvertidamente, estamos anunciando nossa presença já a um raio de dezenas de anos-luz a qualquer ET que possuir uma boa antena. Os ETs devem estar fazendo o mesmo.

Ou talvez não. John Learned da Universidade do Havaí sugere que ETs realmente inteligentes comunicando-se a distâncias interestelares pela Galáxia não devem usar nada tão primitivo quanto o rádio, essa tecnologia já secular dominada por macacos pelados. ETs avançados podem usar algo mais conveniente, do qual nós mal dominamos os princípios elementares: a comunicação por neutrinos.

Ao contrário dos fótons que compõem os sinais de rádio, os neutrinos por natureza têm uma interação muito fraca com a matéria. Bilhões e bilhões de neutrinos estão atravessando seu cérebro neste exato momento, e as chances de que sequer um deles interaja com um de seus neurônios é extremamente remota. Já bilhões de fótons atingindo, e interagindo com sua retina são responsáveis por você poder ler esta nota.

Neutrinos podem assim atravessar toda a Galáxia com pouca inteferência, e embora haja muitas fontes de ruído — estrelas como o nosso sol são fontes abundantes de neutrinos –, não seriam nada que atrapalhasse muito uma civilização capaz de gerar e detectar tais partículas para comunicação.

Porque, repetindo, mesmo nós ainda não dominamos a tecnologia para criar canais de TV via neutrinos. A bota notícia de Learned é que a nova geração de detectores de neutrinos já pode ser capaz de detectar transmissões alienígenas através deste meio heterodoxo. O Contato final pode ser, ironicamente, intraterrestre — detectores de neutrinos são construídos a grande profundidade.

O paper de título singelo “Galactic Neutrino Communication“. [via Matias Morey]

Atualização: No paper Learned em verdade descreve como nós, e eventualmente aliens, podem usar neutrinos de alta energia, extremamente raros na natureza. Desta forma, seria possível criar um canal de comunicação capaz de atravessar a Galáxia e com baixa interferência. Neutrinos como os emitidos por estrelas são justamente os que Learned não recomenda para a tarefa.

Discussão - 1 comentário

  1. Atila disse:

    Agora resta fazer um receptor de neutrinos que caiba num celular, e não uma piscina que ocupa uma montanha…

Envie seu comentário

Seu e-mail não será divulgado. (*) Campos obrigatórios.

Skip to content

Sobre ScienceBlogs Brasil | Anuncie com ScienceBlogs Brasil | Política de Privacidade | Termos e Condições | Contato


ScienceBlogs por Seed Media Group. Group. ©2006-2011 Seed Media Group LLC. Todos direitos garantidos.


Páginas da Seed Media Group Seed Media Group | ScienceBlogs | SEEDMAGAZINE.COM