“Feminismo, educação libertária e antifascismo no pensamento de Maria Lacerda de Moura”

Você já ouviu falar de Maria Lacerda de Moura? É bastante provável que não. 

Esta pensadora excepcional, que foi uma ativa educadora desde cedo em sua vida e precursora do anarco-feminismo no Brasil, é apresentada por Camila Jourdan no verbete que agora publicamos. 

Nascida no final do século XIX, Maria Lacerda fundou uma revista (em 1923), contribuiu com periódicos anarquistas e foi autora de mais de vinte livros. Foi conferencista em diversos eventos sul-americanos, colaborou com pensadores anarquistas brasileiros e estrangeiros, tendo vivido por quase dez anos em uma comunidade agrícola autogestionada – e perseguida pelo Estado Novo. 

Em sua contribuição, Jourdan nos conta sobre a vida e a obra de Lacerda, suas principais influências, e os autores e movimentos que foram os principais sujeitos de suas críticas: os eugenistas e o feminismo liberal, cuja epítome era, em seu tempo, o movimento sufragista. O verbete mostra também como o pensamento de Lacerda compreende os vínculos entre sistema capitalista e a Igreja – ilegítima encarnação da religiosidade – e o potencial fascista que tal articulação carrega em si. 

A leitura deste texto nos coloca diante de um pensamento sobre e um ativismo em torno da educação como meio de libertação das ideologias dominantes, cujo traço comum pode ser identificado ao patriarcado. Se tempo presente nos provoca a pensar de maneira radical as funções da educação e os papéis da mulher na sociedade, divulgar a obra de Maria Lacerda de Moura torna-se uma tarefa da maior importância, não somente para que se faça justiça à história do feminismo no Brasil, mas porque ao fazê-lo estaremos em melhores condições de compreender e agir em meio às dificuldades atuais. Jourdan afirma: 

“Ser mulher, anarquista e feminista nunca foi fácil pra ninguém em nenhuma época. Como ela mesma afirmou sobre si: “sou uma grande indesejável’.”   

Leia o verbete aqui.


No dia 23 de outubro, a nossa editora Gisele Secco entrevistou Camila Jourdan em nosso canal sobre este verbete. Confira entrevista na íntegra aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *